terça-feira, 6 de junho de 2006
Incêndios, lamentável e perfeitamente evitável
Foi em Fragoso que tudo parece ter começado, apenas a poucos kms de Creixomil, mesmo passadas mais de 30 horas os telejornais continuam abrir os noticiários com esta calamidade, onde é colocada uma pergunta óbvia, onde andam os meios aéreos? Como se pode ver na foto em toda a península Ibérica naquele momento não há mais nenhum incêndio com estas proporções, onde andam os aviões e helicópteros? (Clique na foto para aumentar )
Está certo que muita da culpa nestas calamidades deve-se aos incendiários, é o que tudo indica neste caso, mas também não se pode deixar de falar da falta de responsabilidade dos proprietários das matas na sua limpeza e ordenamento, assim como os incumprimentos da lei, a falta de planos de prevenção e intervenção prévia, a falta dos meios que aqui claramente se constatou e muitas outras mais variáveis há que propiciam este descalabro.
Aqui deixo uma pergunta à qual todos devemos pensar e reagir porque um dia, esperemos que não, mas pode acontecer. Como seria se fosse em Creixomil, estaremos preparados para lidar com este inferno?
Foto de Earth Observatory NASA, 05 de Junho
0 Comentário(s)
Links para este post:
Criar uma hiperligação